Editora Transe lança Prelúdios, seu primeiro livro

23/12/2020

Após o experimento de Estocolmo, seu livro zero, a editora Transe desponta com seu trabalho número 1, a coletânea Prelúdios, contendo textos de algumas das novas vozes que surgem em Manaus a deslindar vias inusitadas de criação estético-literária, sempre compromissadas com a devida reprodução da dinâmica palavra-mundo.

São elas: Davi Soledade, Bianca Vieira, Carla Medeiros, Breno Lacerda, Luana Aguiar, Julio Heydeer, Anne Caroline, Diana Farias, a(o) enigmátic(a/o) M., Manu Valente e Bruno Oliveira.

A fotografia da capa é obra da artista Loren Lima. Já o trabalho editorial traz mais uma vez -literalmente - as digitais da polímata Luana Aguiar, que também assina a apresentação do livro, a qual segue nas linhas abaixo:


Diante de tempos sombrios, esperança. Esta coletânea, primeiro livro de nossa editora, propõe-se, humildemente, como um feixe de luz no mar da escuridão dos tempos atuais. Cada poema, conto e crônica se propaga por uma fina fresta sobre nossas vidas e traz algum resquício de liberdade, mesmo que, muitas vezes, insonora. É talvez um desejo de mudança ou, ao menos, uma forma de expressão que não passe despercebida em meio ao caos.

Quanto à leitura, recomendamos ao leitor apreciar a fluidez que os textos carregam quando lidos na ordem em que se encontram, como se, gradativamente, caminhassem para uma mesma direção.

São prelúdios para futuras publicações, prelúdios para novas vozes literárias, para um novo ciclo, talvez, melhor.